segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

A Verdade Precisa Ser Dita

Sim, a verdade precisa ser dita:
O mundo precisa conhecer essas coisinhas maravilhosasss! <3
Vou recomendar várias coisas aqui, e deixarei seus respectivos links em palavrinhas clicáveis.

Por esses tempos conheci uma banda via o instagram. E, CARAAA, eu gostei MUITO do som.
Pra quem gosta de punk rock, aposto que vai adorar pelo menos uma música deles: Black Tie Event. Pelo que entendi (ainda não vi tudo sobre eles, e nem ouvi todas as músicas ainda), o single deles atual é You Mean Nothing To Me.
Tem outra banda que gosto muito também, que já conheço há um tempo, e vou aproveitar para indicar aqui: Marmozets. Eu não sei exatamente que tipo de música eles produzem, mas eu diria que é algum derivado do rock, e algumas músicas, como Why Do You Hate Me, são meio punks sim. Eles são ótimos, e não vejo a hora de lançarem um álbum novo <3 Ah, e ouçam essa música deles também: som maravilhosíssimo: Broken Reflection.
Sei que muita gente já conhece Royal Blood, mas precisava dizer que adoro o clipe de
Out Of The Black.

Fiquei viciada em Girls Talk Boys do 5 Seconds Of Summer por quase um mês, então, sim, esta música vai estar aqui mesmo.
Pra quem gosta de música instrumental, e ainda mais de instrumento de corda <3 vou indicar Lindsey Stirling MESMOOOOO. Na real, eu indico todas as músicas dela, mas aqui vou deixar o link das minhas 3 favs só:
Crystallize

Roundtable Rival
Shatter Me
Aproveitarei a deixa de Shatter Me, para indicar Halestorm <3
Apocalyptic
You Call Me A Bitch Like It's A Bad Thing (nome maravilhoso para uma música, vamos confessar)
Amen
Mais música instrumental <3 Simply Three: God Rest Ye Merry, Gentlemen. Eu nunca ouvi a música original, mas olha, adorei esse cover, e só ouço ele mesmo <3 Por causa desses caras eu morro de vontade de aprender a tocar contra baixo acústico (o instrumento maior que o violoncelo que dá pra ver claramente no vídeo), mas para a sorte de nós brasileiros, quase não se acha aula desse contra baixo aqui no Brasil ;-;
Pra quem gosta de cover:
Grace VanderWaal ficou famosinha no fb e na internet toda (ainda mais depois de ter ganhado no programa que ela estava participando <3), e acho meio impossível alguém ainda não conhecê-la. Eu nunca tinha ouvido essa música na minha vida, mas depois que ouvi esse cover dela, fiquei viciada é NO COVERRRR: Ex's & Oh's by Ellie King.
Preciso MUITO indicar também a dona Elizabeth Grace <3 Já vi todos os vídeos delaaa, ela é bem maravilhosa mesmo. E esse cover de Iris - Goo Goo Dolls ficou tão amorzinho <3 Ainda mais pelo vídeo em si. EEE recomendo outro cover dela: Drown - Bring Me The Horizon

Pelas recomendações aqui, já podemos ver que tenho um gosto musical meio variado, não? kkk Meu estilo fav é rock e derivados mesmo <3 Mas ouço de tudo um pouco <3

Aposto que a maioria do povo aqui já sabe quem é Hatsune Miku, masss vou indicar uma das músicas mais recentes dela, por motivos de ser BEM dançante: Caramelldansen.
Última banda que vou indicar hoje é twenty one pilots: todo mundo indica stressed out, MAS vou indicar ride e lane boy por motivos de: AMO SOU.

Até poderia indicar mais músicas, mas são tantas, tantas, vou deixar para o próximo jornalzinho <3
Só gostaria de indicar três canais do YouTube que eu ando amando muito muito <3
Dear Maidy. O canal dela é mais voltado para livros <3 Mas também tem playlists sobre signo onde ela comenta o unicórnio de cada signo, a fada de cada signo, o patrono de cada signo... e por aí vai <3 Também tem alguns vídeos do DIY, inclusive um de tiarinha de chifre de unicórnio! *¬*
PenseGeek. Estou indicando o canal da dona Mariana mesmo (mais conhecida como Satty). Bastante gente já conhece ela nas internet da vida, mas como não vejo a hora de ver o canal dela com 1 milhão de inscritos, estou aqui indicando <3 Dedico o canal dela a todos que são góticos trevosos, e todos que são viciadinhos em Amor Doce e Eldarya, porque SIM, ela está fazendo gameplay desses dois joguinhos <3 E eu amo de coração ver as reações dela <3.
Rao TV. VOU INDICAR MESMO. PORQUE O MUNDO TODO DEVERIA ASSISTIR GIRLS IN THE HOUSE, SIM! Sério, muito sério, quando você começa a assistir a série, você não dá nada pra ser tudo isso que o pessoal fala de tão bom, de tão bom mesmo pra ser digno de vários memes, mas quando você vê, VOCÊ JÁ TÁ VICIADO NA SÉRIES, GENTE! Por isso eu digo e repito: o mundo precisa assistir essa série! Não tem como continuar triste, caso você esteja em um dia ruim, de tão bom que é!

Fim de indicações por hoje (finalmente, né?) kkk. Se alguém já conhecia alguma dessas coisas que eu indiquei hoje, comenta aí, vamos trocar uma ideia <3
Talvez até antes do ano novo eu venha com uma playlist de músicas que ando ouvindo mais (já que minha criatividade para textos anda bem triste kk).
Até a próxima <3

sexta-feira, 3 de junho de 2016

Fiz um canal no YouTube!

Imagino a cara de felicidade de vocês ao ler este título kk. (estou sendo irônica) Já que atualmente tem muitas pessoas criando canais no YouTube e virando Youtubers.
Eu já tinha essa vontade de criar um canal desde 2010, quando aqui no Brasil só tinha o canal do Pc Siqueira e do Felipe Neto ainda. Mas só de uns tempos pra cá que a coragem bateu na minha porta, e eu abriiii.
Sinto que o nome do canal deveria ser "Cala a boca Isis" assim como já tem alguns canais com nomes parecidos, pois os vídeos postados (são só três por enquanto) são longuinhos. Porém, preferi um nome que eu goste de verdade, e escolhi "Isis Peter Pan". A lógica do nome é a mesma do blog que já expliquei no texto anterior.
Faz um tempinho que não posto vídeos, mas em breve pretendo postar um novinho.
Dicas de assuntos que eu possa falar em vídeo são sempre bem-vindas.
Então, clique aqui para ser direcionado ao canal. Ficarei muito feliz se tiver uma visitinha de vocês por lá <3

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Big Peter Pan

Big Peter Pan pode parecer um nome meio "sei lá" ou ridículo para algumas pessoas. Mas para mim tem um grande significado por trás disso.
Lembro quando eu era criança e assisti ao filme do Peter Pan pela primeira vez. Não a versão animada, e sim a "humana", digamos assim.
Acredito que eu não fui a única criança que ficou esperando que o Peter Pan aparecesse na janela do meu quarto enquanto ela estivesse aberta para que eu pudesse me aventurar na Terra do Nunca com ele e os amiguinhos dele. Só que, sem perceber, acabei perdendo a esperança de que um dia ele viesse. E com o tempo vi que isso era só uma história inventada, e que nada daquilo poderia ser real.
Porém... eu poderia dizer que ainda ficou alguma coisa.
Se eu não me engano, o Peter Pan não queria crescer, e por isso vivia na Terra do Nunca, não só porque se ele crescesse teria que enfrentar várias responsabilidades que adultos têm que ter, mas também por medo de ser uma pessoa chata como adultos costumam ser. E eu comecei a desenvolver este medo também após os meus 15 anos.
Passei a ter medo da fase adulta por conta dos adultos que me cercavam. A maioria deles era chato. Incrivelmente chatos.
Eu não quero ser como eles. Alguns dizem que isso é consequência de certas responsabilidades que têm que ter. Entretanto, não acredito nisto. Agora que tenho 19 anos, uma idade tão estranha pra mim, já que, se eu pudesse escolher, teria parado nos meus 16 anos para viver o resto da vida com esta idade, vejo que não é "obrigatório" ser um adulto chato. Podemos ser divertidos e compreensivos independente da idade, e isso eu vi claramente após começar a assistir alguns Youtubers, e, principalmente depois de ouvir tantas vezes a música Here's To Never Growing Up da Avril Lavigne. Essa com certeza foi a música que mais me preparou para esta nova fase da minha vida.
Aprendi nesse último ano de vida que posso ser um Peter Pan na vida, só que grande. Grande, porque cresci, e estarei envelhecendo cada vez mais. Porém, não serei Peter Pan no sentido de ter medo de me tornar uma pessoa que não sabe compreender aquela outra pessoa mais nova que está passando pela mesma situação que um dia eu já passei na idade que ela tem hoje, e sim no sentido de sempre manter a criança feliz e divertida viva dentro de mim.